Dúvidas Frequentes



O que é CSV?
Documento que atesta que o veículo esta seguro para trafegar. Se trata de um Certificado de Segurança Veicular.

O que é CIV?
Documento que atesta que o veículo foi inspecionado e está apto a transportar produtos perigosos em rodovias.

O que é CIPP?
Documento que atesta que o tanque foi inspecionado e está apto a transportar produtos perigosos em rodovias.

A inspeção realizada abrange somente os itens alterados do veículo?
Não. A Inspeção de Segurança Veicular em veículos sinistrados e com alterações de características originais segue as diretrizes dos Regulamentos Técnicos da Qualidade, que abrangem todo o veículo. O Certificado de Inspeção quando emitido comprova o integral atendimento do veículo à legislação de trânsito e segurança.

Pretendo alterar as características originais do meu veículo, como procedo?
Inicialmente, descreva o tipo de alteração e encaminhe um requerimento ao órgão de trânsito, para obter a autorização prévia, segundo resolução 25/98 do CONTRAN Art. 1º, após a autorização, proceda a alteração do veículo sempre tendo cuidado quanto a procedência das peças utilizadas (Nota Fiscal). Após a transformação procure a FIT para a realização de inspeção e, quando aprovado, a obtenção do Certificado de Inspeção. Em seguida encaminhe a documentação completa, dentro do prazo de validade, ao órgão de trânsito que expedirá um novo Certificado de Registro e Certificado de Registro e Licenciamento de Veículo - CRV e CRLV.

Quais documentos necessários para realizar Inspeção?
Inicialmente, verifique qual tipo de Inspeção é adequada para a necessidade do seu carro, mas, basicamente, os documentos necessários são documentos do veículo e habilitação do condutor.

O que é CIPP?
Documento que atesta que o tanque foi inspecionado e está apto a transportar produtos perigosos em rodovias.

Quais os itens serão avaliados em meu veículo?
A inspeção abrange todo o veículo.

E se meu veículo for reprovado?
O proprietário do veículo/equipamento receberá um relatório constando todas as Não Conformidades encontradas e terá um prazo de 30 dias corridos para regularizar os itens de reprovação e reapresenta-los a fim de constatar a conformidade. Caso o cliente perca o prazo,o veículo/equipamento será submetido a uma nova inspeção completa e com custos.

Como posso obter uma Autorização Prévia do DETRAN para a instalação do kit de GNV?
Comparecendo diretamente nos Postos do DETRAN.

Com o laudo em mãos qual o próximo passo para regularizar os documentos do veículo?
Comparecer no DETRAN para a apresentação dos documentos e laudos emitidos pela FIT. Observar o prazo para apresentação do laudo.

Preciso manter cópias dos laudos e do Selo GNV com os documentos do veículo?
Apenas o Selo GNV. Não é necessário ter nenhum tipo de cópia, pois o selo já comprova a realização da inspeção.

Tenho que realizar a inspeção anualmente no meu veículo a GNV?
Sim, para licenciamento do veículo é necessária à inspeção e renovação do selo.

Quando, Onde e Como devo realizar a requalificação do cilindro de GNV?
O reteste é realizado a cada cinco anos e precisa deve feito através de em uma oficina registrada pelo INMETRO Veja o endereço da oficina mais próxima na página do INMETRO (http://www.inmetro.gov.br/infotec/oficinas/)

O documento do veículo (CRLV) está vencido. Posso fazer a inspeção do GNV?
Sim.

O laudo e o Selo GNV foram extraviados. O que devo fazer?
Realizar novamente a inspeção para a emissão de um novo documento/selo.

O laudo e o Selo GNV foram extraviados. O que devo fazer?
Realizar novamente a inspeção para a emissão de um novo documento/selo.



Informações Importantes



Conheça os defeitos mais comuns detectados em veículos:
  • Extintor de incêndio vencido ou inexistente (nos casos nos quais o extintor é obrigatório);
  • Bateria sem proteção contra curto-circuito;
  • Desequilíbrio no freio de serviço;
  • Lavador de pára-brisa não funciona;
  • Suspensão desalinhada (desvio lateral);
  • Desequilíbrio no freio de estacionamento;
  • Luz da placa não funciona ou inexistente;
  • Bateria mal fixada;
  • Freio de estacionamento com baixa eficiência;
  • Farol desregulado ou queimado;
  • Freio de serviço com baixa eficiência;
  • Falta de cinto de segurança ou não funciona;
  • Braços da Suspensão com folga excessiva;
  • Luz de freio não funciona;
  • Lanterna não funciona;
  • Banco sem trava de segurança;
  • Banco com fixação inadequada;
  • Luz alta não funciona;
  • Luz de marcha-à-ré não funciona;
  • Buzina não funciona;
  • Lanternas com cores inadequadas;
  • Coifa homocinética com problemas;
  • Pedais sem proteção de borracha;
  • Painel de instrumentos não funciona;
  • Pneu com desgaste excessivo;
  • Diferença de aderência entre os lados do veículo;
  • Fecho da porta com problemas;
  • Indicador de luz alta não funciona;
  • Falta triângulo de segurança;
  • Pára-choque irregular;
  • Mangueira de combustível vazando;
  • Falta fecho interno;
  • Falta cinta de proteção do cardã;
  • Falta macaco e/ou chave de roda;
  • Câmbio com engrenamento difícil;
  • Para-brisa trincado;
  • Fecho do cinto de segurança não funciona;
  • Amortecedor com funcionamento inadequado;
  • Porta-luvas não trava;
  • Fecho do capô do motor com problemas;
  • Indicador de combustível não funciona;
  • Pneus transpondo os pára-lamas;
  • Agregado com recuperação por solda;
  • Porta-malas com dificuldade de abertura;
  • Fixação inadequada do cinto de segurança;
  • Trincas nas travessas do chassi;
  • Lâmina de mola quebrada;
  • Roda com porca faltando;
  • Fixação do escapamento deficiente;
  • Pneus com medidas e tipos diferentes no mesmo eixo;
  • Retrovisor quebrado;
  • Roda trincada;
  • Sistema elétrico com problemas;
  • Limpador de pára-brisa não funciona;
  • Vazamento no sistema de freio.

Desenvolvido por Agência WF